Filme documentário “MAR DE SINES”

mar-de-sines

Cinema com a comunidade

“MAR DE SINES – a resiliência das gentes do mar” mostra-nos de um modo muito original o trabalho no mar, fazendo uma abordagem muito intimista das suas gentes, dos saberes, das artes de pesca, dos lugares, deixando falar as emoções das pessoas da comunidade, as suas angustias, alegrias e também as suas reivindicações.
É um projeto de Diogo Vilhena e António Campos, com banda sonora original de Charlie Mancini, a partir da obra “Breve Notícia de Sines” de Francisco Luís Lopes, produzido pela Câmara Municipal de Sines, no quadro do PROMAR/ GAC Além Tejo.

Um projeto que envolveu 27 entidades locais e nacionais, 60 horas de filmagens a bordo, mais de 100 entrevistas e 25º horas de gravação, e mais de 2000 pessoas nos processos de rodagem e pós-produção. Um genuíno “projeto de cinema com a comunidade”, como se pode ler no folheto de apresentação do filme.

O projeto leva também na sua memória descritiva o selo do Projeto promovido pela Mútua, entre 2007 e 2010, no quadro do EEAgrants, CCC – Celebração da Cultura Costeira, que teve a participação de um dos elementos da equipa que integrou o grupo de inventariantes de Sines (os “guardiões do património”), e isso também não pode deixar de nos orgulhar.

O filme teve a sua estreia em Sines, a 24 de abril, e foi também apresentado em Lisboa.

Tem viajado pelos festivais de cinema documental, e foi recentemente premiado como o melhor filme etnográfico no VII Festival Internacional de Filmes Etnográficos do Recife

“Mar de Sines” está agora de viagem para Brno, na República Checa, entre 12 a 16 de Outubro, onde participa no EKOFILM na República Checa que vai na sua 42.ª edição, e onde foi selecionado na categoria Heritage (http://www.ekofilm.cz/en/).

A Mútua já estava cativa para este projeto mesmo antes de ele existir e vai continuar a acompanhar a sua odisseia.

Print Friendly, PDF & Email