Categoria: Sector cooperativo e social

Luto Associativo Nacional

Confederação Portuguesa das Coletividades solidária com os trágicos acontecimentos de Vila Nova da Rainha

Em consequência do trágico incêndio na Associação Recreativa e Humanitária de Vila Nova da Rainha, concelho de Tondela, que vitimou mortalmente 8 pessoas e deixou 38 feridos, no passado sábado, dia 14 de janeiro 2018, a Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, manifesta a sua solidariedade para com os familiares e amigos das vítimas, e comunidade, recomendando a todas as Associações, Colectividades e Clubes que manifestem a sua solidariedade com a Associação, observando três dias de Luto Associativo Nacional, colocando a Bandeira da Associação a meia haste e guarde 1 minuto de silêncio em todas as cerimónias ou reuniões que se realizem entre os dias 15 e 17 de Janeiro.

Também a Mútua presta por esta via a sua solidariedade para com os familiares das vítimas e para com a coletividade de Vila Nova da Rainha.

Ler Mais

http://blogues.publico.pt/juntostocamosalua/

Organizações da Economia Social põem os pontos nos is

Sobre o processo da Associação Raríssimas

Nove organizações da Economia Social subscrevem comunicado que pretende evidenciar a importância das organizações de economia social como pilares fundamentais para o garante da justiça social e sustentabilidade, não confundindo determinadas práticas, como as alegadas irregularidades de gestão que têm vindo a público a propósito da Associação RaríssimasAssociação Nacional de Deficiências Mentais e Raras, com os princípios e valores que norteiam estas organizações.

Ler Mais