Mútua dos Pescadores, 1ª cooperativa de utentes de seguros

A Mútua é a primeira e única cooperativa de seguros portuguesa, que celebrará em 2022 oitenta anos de história enquanto Mútua de Seguros. À experiência mutualista no sector das pescas que acumulou durante décadas, juntou-se a partir de 2000, a intervenção noutras atividades marítimas, como a náutica de recreio, marítimo turística, pesca desportiva ou mergulho, e hoje tem respostas para proteção de todas as pessoas e dos seus bens, das suas habitações, de todas as atividades económicas, das associações, das entidades do setor público e do setor cooperativo e social.

Torne-se cooperador da Mútua dos Pescadores! Saiba mais aqui e beneficie de serviços e produtos disponibilizados pelas várias entidades parceiras!


Para consultar o calendário de eventos e iniciativas clique aqui!


Pés no terreno durante o 1º trimestre

No quadro deste plano a Direção reuniu já este trimestre com dirigentes, cooperadores, associações locais em Caminha, Esposende, Vila do Conde, Angeiras e Matosinhos. Em Caminha a iniciativa contou também com a presença do presidente da Câmara e Junta de Freguesia, e em Vila do Conde com a Associação cultural Bind’0 Peixe. Nas ilhas a Direção reuniu também com os respetivos governos regionais e com a Lotaçor. Reuniu ainda na zona Centro, na Lagoa de Óbidos, com a Associação de Stand Up e Paddle Boarding, tendo como focus principal da ação o esclarecimento sobre a especificidade dos seguros para esta área.

Ler mais

Lançamento do livro “Uma história da Economia Social”, de Álvaro Garrido

lacamentolivro_garrido1“Cooperação e Solidariedade – uma História da Economia Social” é o título do novo livro do historiador Álvaro Garrido, que foi lançado no dia 14 de março, no espaço da Atmosfera M, em Lisboa. Esta obra traça o percurso da História da economia social desde o período liberal no século XIX até aos anos setenta no século XX, abordando especificamente o caso português.

Ler mais

Conselhos Regionais

Mútua dos Pescadores

Os Conselhos Regionais são órgãos “de consulta da direção, de âmbito regional restrito e que emitem pareceres, que devem ser devidamente ponderados por esta” (artº46 nº 2 dos Estatutos da Mútua dos Pescadores), a quem compete detetar necessidades locais, colaborar com a direção e, dentro das suas limitações territoriais, estimular e desenvolver a atividade da Mútua dos Pescadores.

Ler mais